Candidato Número 7 à Câmara Municipal

Caras e caros amigos,
Chamo-me Vicente de Paulo Pinto da Cruz, também conhecido por Paulinho, tenho 64 anos, sou natural de Fervença e resido na freguesia de Borba da Montanha. Em toda a minha vida, só tive uma profissão – assistente técnico no Posto de Saúde de Fervença – que, orgulhosamente, desempenho há mais de 45 anos. A minha atividade profissional permitiu-me conhecer e conviver com muitas pessoas de diferentes idades e, talvez por isso, sempre demonstrei uma grande dedicação e entusiasmo pela causa pública e pelo interesse coletivo.
Nesse sentido, exerci, em vários momentos da minha vida, uma vincada participação política, que se iniciou em 1985 e interrompeu em 2009. Ao longo destes anos, cumpri vários mandatos como membro das assembleias de freguesia de Borba da Montanha e Fervença, tendo presidido a Mesa da Assembleia da Freguesia de Borba da Montanha, entre 2001 a 2005. Além disso, cumpri 3 mandatos como deputado na Assembleia Municipal. Julgo que, pelo meu percurso profissional e na vida pública, conheço extremamente bem os problemas, as dificuldades e alguns desejos da nossa população, em particular da zona alta do concelho. Tenho, igualmente, a perfeita noção de que ainda se vive com muito pobreza e precariedade nesta zona do concelho, principalmente os nossos idosos, não só com crónicos problemas de mobilidade e dificuldade em aceder a serviços essenciais, por um serviço de transportes públicos insuficiente, como também por incapacidade de cobertura de todas as despesas mensais a que estão sujeitos. Por outro lado, os nossos jovens queixam-se correntemente do problema da rede móvel, da falta de emprego qualificado e da pouca atratividade do concelho para se viver, acabando por sair daqui diariamente para trabalhar e fazer o seu dia-a-dia.
A nossa zona do concelho esteve sempre atrasada em comparação com a sede de Celorico, com menor investimento, menos acessibilidades, menos serviços e menos comodidades. Sempre lutei e defendi intransigentemente os interesses da nossa população, não sendo capaz de virar as costas à luta a pessoas que me dizem tanto, muito menos num momento de tanta importância para o concelho. Foi por isso que decidi, uma vez mais, aceitar o convite do Eng. Manuel Machado para integrar o projeto político do Partido Socialista. Fi-lo por saber que o Eng. Manuel Machado é uma pessoa humanista e solidária que batalhará permanentemente, para que muitas famílias possam viver com mais dignidade neste concelho. É a pessoa certa no lugar certo para, ao fim de 32 anos, colocar Celorico de Basto, definitivamente, na rota do desenvolvimento. Além disso, faz-se acompanhar por uma equipa jovem, dinâmica, experiente, conhecedora das deficiências deste concelho e, sobretudo, bastante irreverente, que parece preconizar a lufada de ar fresco e a mudança que o concelho tanto precisa.
Estou certo que este é o projeto com a credibilidade que os celoricenses aguardavam para termos, finalmente, um Celorico de todos e para todos. Contem connosco.